Não importa se você irá ficar com o seu auto por mais algum tempo ou pretende vendê-lo. Poucas coisas são mais prazerosas do que ficar com o carro sempre com aparência de bem conservado. Mas, para isso, é preciso tomar uma série de cuidados e práticas para conservar o carro.

Caso você pretenda ficar com o seu veículo, terá o prazer de andar com um carro com jeito de novo. Mas, se a pretensão é vendê-lo, conservar o carro é ainda mais importante, para que você o valorize no mercado.

CLIQUE AQUI E COTE ONLINE SEGURO AUTO PARA SEU VEÍCULO

A seguir, você confere 10 dicas infalíveis que deixarão o seu carro praticamente impecável. Siga as sugestões e tenha um automóvel sempre com cara de novo!

Confira o que fazer para conservar o carro

Para de usar querosene!

Muitas pessoas têm a receitinha caseira de usar querosene para limpar o carro. Caso você faça isso, pare agora mesmo!
O produto, com o tempo, tende a danificar a pintura do veículo e corroer as borrachas. O mais indicado para lavar o automóvel e conservar o carro é a antiga fórmula: água e sabão neutro.

Sempre lavar o carro quando volta de viagens

Foi passar o final de semana com a família ou a turma na praia ou no campo? A primeira coisa, quando voltar, é providenciar a lavagem do seu automóvel.

Pode parecer óbvio, mas poucas pessoas fazem isso. A maioria limpa o carro em casa mesmo, só tirando o excesso de sujeira e espera mais de uma semana para mandar o veículo para o lava-rápido.

Não faça isso se quiser ter seu auto conservado por muito mais tempo. Lavagem nele já!

Evitando manchas

Quem quer um automóvel com a carroceria, vidros e espelhos manchados? Ninguém, não é? Então para conservar o carro mantenha-o sempre longe de produtos oleosos, debaixo de árvores, perto de cimento ou gasolina, entre outros produtos ou condições que favorecem o aparecimento de manchas.

Caso seu carro já possua manchas, não tente removê-las com produtos químicos. Além de não resolver o problema, você ainda pode piorá-lo. Leve a uma oficina especializada e de confiança.

Acabe com os amassados

Um amassadinho aqui, outro lá. E você vai deixando, afinal, não comprometem tanto a aparência do carro. Porém, os amassadinhos tendem, com o tempo, a aumentarem.

E quando você parar para perceber, verá que seu automóvel está repleto de partes amassadas. Portanto, procure acabar com qualquer amassado que aparecer na carroceria, assim que ele surgir.

Procure locais especializados em desamassar carros para fazer esse tipo de serviço.

Cuidado ao repintar

Caso você queira repintar o seu veículo, procure um local confiável e de qualidade para fazer isso. Dê preferência por oficinas de funilaria e pintura, que usem, por exemplo, o Poliuretano, ao invés do Poliéster.
Isso porque o Poliuretano não requer que se aplique verniz – o que deixa a pintura mais sensível e fácil sofrer danos.

Como remover resíduos de asfalto

Por mais estranho que pareça, é possível remover resíduos de asfalto sem ter de levar o veículo a algum estabelecimento especializado. Para fazer essa limpeza, a dica é usar óleo para bebês.

Umedeça uma estopa com esse produto cosmético e faça a remoção dos resíduos. Para conservar o carro, realize a limpeza com delicadeza, para evitar arranhões na pintura do automóvel.

Dê adeus ao plástico preto

A maioria das pessoas que não dispõem de estacionamento cobertos costumam cobrir o automóvel com plástico preto. Pois saiba que esse material não é o ideal, pois acumula umidade e não impede a entrada de poeira sobre o veículo.

O mais adequado é cobrir o carro com capas próprias para isso, que são forradas por dentro e ventiladas. Você encontra esse tipo de proteção para autos em grandes lojas especializadas em automóveis.

Escolha bem o lava-rápido

Pesquise e escolha o lava-rápido onde levará o seu veículo para lavar. Não excite em pedir para acompanhar a lavagem de um carro no estabelecimento. E observe se o local realiza algumas práticas imprescindíveis para conservar o carro. O veículo deve, por exemplo, ser lavado sempre na sombra.

A lavagem também deve começar pelo teto. Isso porque a parte debaixo do carro costuma possuir mais sujeira e se o carro for lavado de baixo para cima, partículas dessa sujeira podem arranhar a pintura.

Atenção aos excessos

Polir, cristalizar, revitalizar, espelhar e outras técnicas são ótimas para conservar o carro e deixa-lo ainda mais bonito. No entanto, submeter o veículo a esses tratamentos em excesso pode prejudicar a pintura.

Conserve com um profissional de confiança, como o seu mecânico, por exemplo, e pergunte qual a periocidade ideal para realizar tais serviços no seu automóvel.

Protetores de espuma: valem a pena!

É comum em estacionamentos de edifícios que a porta do carro vizinho seja aberta e bata no seu carro levemente. Com o tempo, isso vai prejudicando a pintura e amassando a sua carroceria.

E você não quer chamar a atenção do dono do carro vizinho, pois se sentiria desconfortável com isso, certo?

A solução é adquirir protetores de espuma magnetizados, que são colocados nas laterais do carro. Eles evitam o contato direto do seu veículo com o outro. Vale a pena investir nesse tipo de acessório, tanto para conservar o carro como para não criar constrangimentos com a vizinhança.

Para deixar o seu carro ainda melhor, veja dicas incríveis para limpar o farol do carro.